Bem vindo, Bem vinda

Há vários modos de se expressar pensamentos e há vários modos de ler poemas. Assim como tomei a liberdade de me expressar através da poesia, fique o leitor livre para interpretá-los ao seu modo. Convido-o(a) a partilhar de um universo particular que acredito não seja tão particular, mas sim universal, porquanto a particularidade do homem é um fruto do mundo em que vive.

Tenho procurado manter distância do engajamento com qualquer causa nos meus textos; não sou adepto da poesia panfletária. Talvez procure apenas encontrar um apelo estético para coisas para as quais não se pode dar nome ou para as quais dar nome seja de fato algo inútil. Talvez goste de brincar com a sonoridade, com os vários sentidos encapsulados nas palavras, talvez goste de jogar com as possibilidades do mundo subconsciente ao trazer o inusitado na forma escrita.

Licença Creative Commons
Estes trabalhos de Pedro Luiz Da Cas Viegas e Katia Ogawa foram licenciados com uma Licença Creative Commons – Atribuição – NãoComercial – SemDerivados 3.0 Não Adaptada.

Pedro Luiz Da Cas Viegas
Gravataí, 09 de junho de 2012

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: